RH Super Shopping

O seu site de Recursos Humanos

O que é Gestão por Competência?

História da Administração de Recursos Humanos

A  Administração e Recursos Humanos é uma das áreas mais afetadas pelas mudanças que ocorre no mundo moderno. O século XX proporcionou o aparecimento de três eras distintas, tais como:

• Era da Industrialização Clássica: de relativa estabilidade, trouxe o modelo hierárquico, funcional e departamentalizado de estrutura organizacional. Foi a época das relações industriais.
• Era da Industrialização Neoclássica: de relativa mudança e transformação, trouxe o modelo híbrido, duplo e matricial de estrutura organizacional.
Foi a época da ARH.

• A Era da Informação, de forte mudança e instabilidade, está trazendo o modelo orgânico e flexível de estrutura organizacional, no qual prevalecem as equipes multifuncionais de trabalho. É a época da gestão de pessoas e com pessoas.

No mundo de hoje, as preocupações das organizações se voltam para a globalização, pessoas, clientes, produtos/serviços, conhecimento, resultados e tecnologia. As mudança e transformações na área de RH são intensas e predomina a importância do capital humano e intelectual. Os novos papeis da função de RH são definidos em quatro eixos: estratégias de RH, infra-estrutura, contribuição dos funcionários e mudança organizacional.

Conceito de Recursos Humanos

O setor de Recursos Humanos tem a função de promover, planejar, coordenar e controlar atividades tais como:
Recrutamento, Seleção e Orientação
• Avaliação de Desempenho Funcional e Comportamental
• Capacidade e Qualificação
• Acompanhamento do Colaborador
• Atividades relativas a Prevenção da Saúde e Segurança no Ambiente de Trabalho, etc.

Subsistemas da Área de Recursos Humanos

A literatura clássica divide as atividades da área de Recursos Humanos em subsistemas tais como:
1. Suprimento de Recursos Humanos

  • Recrutamento e Seleção de Pessoal

2. Aplicação de Recursos Humanos

  • Análise e Descrição de Cargos
  • Elaboração dos Planos de Carreira
  • Avaliação de Desempenho

3. Manutenção de Recursos Humanos

  • Remuneração
  • Higiene e Segurança no Trabalho
  • Plano de Benefícios

4. Desenvolvimento de Recursos Humanos

  • Treinamento

Gestão de Pessoas por Competência
O que é Competência?

No plano individual, uma definição para, comumente adotada pelos profissionais de gestão (principalmente os ligados à área de gestão de pessoal), é a seguinte:
Competência é o conjunto de conhecimentos, habilidades, atitudes que afetam a maior parte do trabalho de uma pessoa, e que se relacionam com desempenho no trabalho; a competência pode ser mensurada quando comparada com padrões estabelecidos e desenvolvida por meio de treinamento.

O conceito de competência refere-se à capacidade da pessoa assumir iniciativas, ir além das atividades prescritas, ser capaz de compreender e dominar novas situações no trabalho, ser responsável, e ser reconhecido por isto.
As competências das empresas, as chamadas competências essenciais (core competences), são definidas como um pacote de habilidades e tecnologias. A competência essencial é uma combinação de habilidades complementares e conhecimentos, embutidas em um grupo ou em um time, que resulta na habilidade de executar um ou mais processos críticos num padrão classe mundial. Já a competência básica é formada por todas as capacidades necessárias à existência da organização, mas que não são suficientes para manter a sua posição competitiva no mercado.

Gestão de Competência
A gestão por competência é uma nova tendência da gestão de pessoas. Esta “nova” forma de gestão, na prática desenvolve as seguintes atividades:
1. Captação de Pessoas: visando adequar as competências necessárias às estratégias de negocio, as empresas buscam por pessoas que tenham um nível educacional elevado e, para tal, se valem de programas de trainees, considerando fundamentais para atrair novos talentos.
2. Desenvolvimento de Competência: visto que as empresas contam ainda com a possibilidade de desenvolver as competências essenciais dos indivíduos, através das mais diversas práticas, visando adequá-las às necessidades organizacionais.
3. Remuneração por Competência: é uma prática utilizada por empresas preocupadas em resguardar parte do conhecimento tático de seus colaboradores e mantê-los nas organizações, e vem servindo para que as empresas implantem novas formas de remuneração, dentre elas:

  • Participação dos Resultados
  • Remuneração Variável
  • Remuneração baseada nas Competências Desenvolvidas.

É importante salientar que a Gestão de Pessoas não ocorre apenas nos departamentos de RH. Esta atividade deve ser vista pelos gestores das diversas unidades como parte do seu trabalho que bem realizado, permite a empresa atingir objetivos com maior efetividade.

Por Rosana Adriano
Psicóloga Organizacional e professora de psicologia.

Texto indicado por: www.rhportal.com.br@RH_Portal

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: